quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

AntígonA - Divulgação

video

Creonte



Não vive escondido.
Não está calado.
Nós o consumimos e o adoramos.
E pedimos mais.
Está conosco desde sempre e sentimos falta se ele some sem avisar.
Protegemos suas estratégias de permanência para que ele nos dê o tão sonhado conforto.
E não abrimos mão do que ele nos dá.
E se não temos, fortalecemos suas fronteiras para que ele nos abençoe.
Sim, para que ele nos abençoe.
Mas tudo tem seu preço.
E geralmente ele cobra esse valor de você.
Fernandes Jr.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2009


"... Sem cidade, nem tumba, repousam no vento aqueles que riram de ti.
E olhas para onde outrora era uma cidade, e só vê os cães..."

"... Não cobrarão do Deus da Guerra
As rodas que seu carro necessita para derrotar o inimigo, nem reclamam o sangue dos filhos derramado na batalha..."



"...Contra o inverno sopra o vento do sul, ele abre caminho em velozes naves aladas..."


"...fique aqui dentro; quem quer ver é visto.
Assim esperamos por um tempo e não fomos ver o que se passava do lado de fora..."


"...Nada é tão poderoso como a prata. Cidades inteiras sucumbem diante de seu brilho..."